NA CÂMARA - Vereador usa a tribuna e solta os “cachorros”

NA CÂMARA - Vereador usa a tribuna e solta os “cachorros”


Na última reunião ordinária, realizada na quarta-feira, 12, o vereador Vinícius Rosa fez o uso da tribuna para tratar de alguns boatos de difamação e calúnia que estão sendo espalhados contra ele após ele auxiliar na emissão de alvará para a realização de um evento das religiões de matriz africana, a Umbanda e o Candomblé. Vinícius Rosa abriu sua fala ressaltando a sua participação dentro da Igreja, sendo filho de pastor e o primeiro vereador evangélico do município, e ressaltou a Constituição Federal, criticando o caso de intolerância religiosa. 

Os 10 minutos utilizados pelo vereador geraram repercussão pelas acusações feitas contra os alguns líderes religiosos do município. “Eu poderia expor cada um de vocês que estão falando nas minhas costas... falar do falso testemunho que vocês têm dado nas ruas, atos cometidos que não são posturas de um verdadeiro cristão, pastor traindo esposa, cristão dando lição de moral, mas no fundo está utilizando drogas, líder que comete furtos da prefeitura, maus pagadores, poderia expor cada um de vocês...”, disse.